Na estante: O Circo da Noite

O que dizer desse livro que criei tantas expectativas e poucas foram cumpridas? Quando eu o encontrei, sim encontrei porque ele estava numa prateleira do canto, intimidado por livros maiores do que ele, escondido. Quando eu o encontrei, encarei aquela capa maravilhosa, com a ilustração de um circo preto e branco e seu titulo impresso em letras que mudam de cor, eu pensei, hmm esse livro deve ser bom. Mas nós sabemos que não podemos julgar o livro pela capa, nem por bem e nem por mau. Então eis aqui uma surpresa desagradável. 

Eu não gosto de dizer "Não leia esse livro, é ruim", então vou dizer o que não me agradou nele. Ele é longo demais. E cansativo, porque ele tenta dizer algo não dizendo nada, e depois da décima vez, você fica de saco cheio. E ele vai e volta no tempo, passado, presente, futuro, o que de nenhuma maneira eu acho ruim, porém precisa ser algo coeso, o que passou longe das mudanças cronológicas. Eu, que li já As Crônicas de Gelo e Fogo, consegui me confundir com esse livro. 

Os personagens também são um problema. Eles são chatos. O casal principal, Célia e Marco não chegam nem a me deixar ansiosa com suas juras de amor. Eles não são explorados pela a autora, eu terminei o livro sem saber nada dos dois. Eu não creio que isso seja bom, pois você precisa fazer com que o leitor se apaixone pelo personagem, isso é obvio. Nós, leitores, adoramos nos encantar pelas particularidades dos personagens, obrigada. Mas parece que a autora Erin Morgenstern se esqueceu disso.

Outro ponto fraco do livro, é que ele tem personagens secundários que poderiam salvar a história, mas pouco importa, pois eles também são chatos e pouco explorados. A conclusão é: a autora tinha uma boa história, bons personagens, e boa ambientação (o Circo), porém ela se mantém na superfície. Ela não mergulha na fantasia, ela se prende no erro de transformar a magia da história em pura realidade, cinza e chata.
A história é descrita como um "Romeu E Julieta" moderno, porém não se engane. Se você espera juras de amor eternas e trágicos acontecimentos, a história de "Circo da Noite" vai te dar um punhado de enrolação e um amor que não cativa. Esse é um livro que poderia ter contado um boa história, porque há boas ideias, mas no final, ele só é uma genérica história de amor, fadada ao esquecimento.

Tirem suas conclusões, porém eu não preciso dizer que toda leitura é válida. Lendo esse livro eu entendi como boas ideias as vezes não funcionam se você não tiver o ritmo certo, então, foi um aprendizado. Publicado pela Intrínseca <3, 365 páginas. Poderia ter sido melhor.

Vejo vocês em breve :)

Postar um comentário

© Não Seja Julieta. Design by Fearne.